Skip to main navigation Skip to main content

O caminho do campeão pela mão de Conceição

Liga NOS | 06/05/2018
headline image

FC Porto conquista 28.º campeonato

O FC Porto, equipa orientada por Sérgio Conceição, é o novo campeão antecipado da Liga NOS, depois do empate entre Sporting CP e SL Benfica, garantindo assim o seu 28º título.

Iker Casillas, José Sá, Ricardo Pereira, Maxi Pereira, Alex Telles, Felipe, Marcano, Danilo Pereira, Hector Herrera, Sérgio Oliveira, Oliver, Brahimi, Otávio, Corona, Aboubakar, Soares e Marega, são alguns dos protagonistas mais utilizados na época 2017-2018, num percurso que só terminou na penúltima jornada do campeonato.

Quando falta um jogo para o baixar da cortina da Liga NOS, o sucesso da equipa está visível nos números: melhor ataque com 81 golos, melhor defesa com 18 golos sofridos, mais vitórias (27) e menos derrotas (2).

Desde cedo, a veia goleadora do “dragão” de Sérgio Conceição fez-se sentir, principalmente, no seu estádio. Quinze golos marcados nas primeiras quatro partidas disputadas no Estádio do Dragão, marcaram o tom para aquele que seria um ano de vitórias contundentes dos azuis e brancos em casa. Mas as primeiras jornadas da Liga NOS também viram os “dragões” a conquistar três vitórias nos três primeiros jogos fora, 0-1 em Tondela, 0-1 em Braga e 1-2 em Vila do Conde. A primeira perda de pontos aconteceu no Estádio de Alvalade, diante do Sporting CP, onde empataram a zero.

O regresso às vitórias fez-se em casa, com uma vitória por 6-1 sobre o FC Paços de Ferreira, naquele que é um dos jogos com mais golos marcados na época 2017-2018 da Liga NOS. A seguir, vitória por 0-3 no Estádio do Bessa e 2-0 sobre Os Belenenses. Nesta altura, os dragões eram líderes do campeonato, com mais quatro pontos que o segundo classificado, Sporting CP, e mais cinco que o terceiro, SL Benfica.

Os dois jogos seguintes resultariam em empates para a equipa de Sérgio Conceição, 1-1 na Vila das Aves e 0-0 na receção ao SL Benfica. Depois de apenas dois pontos conquistados em duas jornadas, o FC Porto venceu as cinco partidas seguintes: 0-5 ao Vitória FC, 3-1 ao Marítimo M., 1-2 ao CD Feirense, 4-2 ao Vitória SC e 1-0 com o CD Tondela, sendo que este ciclo vitorioso terminou às mãos do Moreirense FC, em Moreira de Cónegos, num empate a zero entre as equipas.

De seguida, os “dragões” conquistariam 18 pontos em outros tantos possíveis, com vitórias sobre SC Braga (3-1), GD Chaves (0-4), Rio Ave FC (5-0), Estoril Praia (1-3), Portimonense (1-5) e Sporting CP (2-1).

A primeira derrota do FC Porto chegaria às mãos do FC Paços de Ferreira, com golo de Miguel Vieira. No jogo seguinte dos “dragões” enquanto visitantes, no terreno d’Os Belenenses, os azuis e brancos também perderam, desta vez por 0-2, naquela que foi a série menos positiva da equipa de Sérgio Conceição na Liga NOS. Pelo meio venceram, no Estádio do Dragão, o Boavista FC e o CD Aves.

Com esta conjugação de resultados, o FC Porto foi ultrapassado pelo SL Benfica na tabela, distando um ponto do topo à 29.ª jornada, pelo que o confronto com os rivais “encarnados”, em Lisboa, na 30.ª jornada, revestia-se de uma importância extrema para as pretensões portistas.

Num jogo que parecia caminhar para o empate, um pontapé de Herrera à entrada da área “encarnada”, já perto do final do jogo, deu os três pontos ao FC Porto, catapultando os “dragões” para a liderança da Liga NOS, local de onde não sairiam até ao final da temporada.

Depois da vitória no Estádio do Sport Lisboa e Benfica, a equipa de Sérgio Conceição confirmou o estatuto de campeão nacional da Liga NOS, ao vencer o Vitória FC por 5-1, o Marítimo M. por 0-1 e o CD Feirense por 2-1.

Outros Conteúdos

news image
Liga NOS

FC Porto é o novo Campeão da Liga NOS

Dragões garantem 28º título

news image
Liga Portugal

Presidente da Liga felicita FC Porto, CD Nacional e Santa Clara