Skip to main navigation Skip to main content

Homem do Jogo Liga NOS jornada 33

Liga NOS | 14/05/2019
headline image

Na penúltima ronda do campeonato, o CD Nacional terminou relegado para a LEDMAN LigaPro. Conheça aqui alguns pormenores das exibições dos nove “Homem do Jogo Liga NOS” da ronda.

Disputou-se, no passado fim de semana, a 33.ª jornada da LEDMAN LigaPro. O SL Benfica e o FC Porto não desarmam na luta pelo título e venceram as respetivas partidas. Já a formação do Vitória SC derrotou o Belenenses e discutirá a presença na UEFA Europa League, da próxima temporada, frente ao atual quinto classificado Moreirense FC.

Na segunda metade da tabela, o destaque vai para a Vitória FC e CD Aves, que garantiram a manutenção na prova. Por outro lado, o CD Nacional acompanha o CD Feirense e disputará a LEDMAN LigaPro, na época de 2019-2020.

O restante lugar da salvação discutir-se-á no embate entre CD Tondela e GD Chaves, onde os tondelenses, apesar de partirem á frente na tabela classificativa, necessitam de vencer para confirmarem a permanência. Já o GD Chaves, caso pontue, ficará na Liga NOS.

Conheça, agora, os nove jogadores distinguidos como o “Homem do Jogo Liga NOS” da 33.ª jornada da prova.

CD Aves vs Moreirense FC – Trigueira (Moreirense FC)

A ronda começou com a visita dos cónegos à Vila da Aves. Triunfo dos visitantes, pela margem mínima, para o qual muito contribuiu a exibição do guardião. Cometeu falta para a grande penalidade, aos 36 minutos, redimindo-se logo de seguida. Adivinhou o lado e parou o remate de Rodrigo Soares. Fez, ainda, um punhado de intervenções e manteve a baliza cónega em branco.

Sta. Clara vs CD Feirense – Schettine (Sta. Clara)

Oito golos no encontro, três dos quais apontados pelo avançado brasileiro. Um “hat-trick” que valeu a distinção como o melhor em campo a Schettine, numa exibição individual para tão cedo não esquecer.

Portimonense vs Marítimo M. – Joel Tagueu (Marítimo M.)

O Portimonense conquistou os três pontos já perto do fim, com um golo de Jackson Martinez a desbloquear a terceira igualdade registada no marcador. Mas foi Joel Tagueu quem arrecadou o prémio de Homem do Jogo Liga NOS. O avançado maritimista apontou os dois golos da formação insular e foi figura em destaque no encontro.

Boavista FC vs SC Braga – Yusupha (Boavista FC)

Fez um golo, o segundo da partida, foi parado em falta em oito ocasiões, defendeu muito e atacou ainda mais. Uma exibição de mão cheia, que valeu a distinção como “Homem do Jogo Liga NOS” pela segunda semana consecutiva ao jovem axadrezado.

Sporting CP vs CD Tondela – Mathieu (Sporting CP)

O experiente central dos leões foi um dos pêndulos na equipa de Marcel Keizer. A jogar com menos um desde os 37 minutos, a defesa do Sporting CP viu em Mathieu um líder em campo, sempre pronto a ajudar nas tarefas defensivas e a surgir, também, muitas vezes pela asa esquerda do ataque. Perto do final da partida, esteve perto do golo, mas Cláudio Ramos negou essa possibilidade.

Vitória SC vs Belenenses – Davidson (Vitória SC)

Apontou o segundo e o terceiro golos do encontro e ainda assistiu para o quarto. Na partida que terminou com um triunfo claro dos vimaranenses, o avançado brasileiro esteve em destaque, tendo sido preponderante no desenlace do resultado final e foi considerado o melhor em campo.

GD Chaves vs Vitória FC – Éber Bessa (Vitória FC)

Duelo pela manutenção terminou com vitória dos sadinos e a permanência confirmada. Não esteve diretamente ligado a qualquer dos golos, é um facto, mas Éber Bessa foi uma dor de cabeça constante para a formação flaviense, muito participativo nos ataques do Vitória FC e ajudando, ainda, no processo defensivo.

CD Nacional vs FC Porto – Óliver (FC Porto)

O espanhol dos dragões esteve em evidência na visita ao terreno do CD Nacional. Apontou o segundo golo do encontro e criou várias dificuldades à equipa comandada por Francisco Costa, tendo passado pelos pés do médio grande parte das situações de ataque dos azuis e brancos.

Rio Ave FC vs SL Benfica – Samaris (SL Benfica)

Desde a entrada de Bruno Lage que o médio grego ganhou preponderância no plantel e cimentou a posição no miolo encarnado. Mais uma exibição de grande qualidade de Samaris, que ganhou praticamente todos os duelos em que esteve envolvido e participou na criação de várias situações de perigo para do SL Benfica.